“Apocalypse Now”

Com o objetivo de fazer um verdadeiro resgate das tradições italianas da commedia dell’arte e, ao mesmo tempo, apresentar o gênero a novas plateias, o diretor Adrian Steinway, ao lado do grupo Machina Del Tuono, leva ao palco o espetáculo “Apocalypse Now – O Fim do Mundo para Leigos”

Cena da comédia musical “Apocalypse Now” – O Fim do Mundo para Leigos.

Na estória Pantaleão é um velho de origens plebeias que soube ganhar dinheiro e acredita que tudo pode comprar. Sem escrúpulos, ele vende uma arma letal à Perfectina, uma superpotência cujo intento é dominar o mundo e, ao mesmo tempo, decide casar sua filha, Hermelinda, com Dottore, desde que o noivo não lhe exigisse dote e lhe desse 50% de sua fortuna. Entretanto, Hermelinda, que finalmente completará a idade para se casar, se apaixona por um cantor de reggae (Florindo). Acidentalmente, Pantaleão sobrevive à arma secreta e passa a ser usado por Capitano, general de Perfectina, para dominar outras cidades. Com Roberto Andrioli e Fabricio Checacci.

Serviço: Teatro Sérgio Cardoso, R. Rui Barbosa, 153. Sábado (26) às 20h30. Ingressos: de R$ 60 a R$ 100.

REFLEXÃO

Clareza
Libere os apegos a um determinado caminho. É o momento de se libertar e de começar um novo desafio. Você pode alcançar grandes coisas ao colocar o foco nisto e este é o momento de redescobrir a sua individualidade. A mudança está indo em sua direção; agora é o momento de decidir como você quer abordar esta mudança. Os Anjos dizem que é melhor estar aberto e confiar no poder infinito do Universo. Você tem grande coragem em seu interior e você é muito mais do que o crédito a que se dá. Embora haja muito a aprender, você tem o benefício do conselho sábio, desde que escolha ouvir. Quanto mais você ouve, mais produtivo se tornará, pois este ser sábio tem uma peça do quebra-cabeça que parecia estar perdida. Não importa o que você acha que sabe, há ainda mais a aprender e isto lhe trará grande clareza em sua compreensão. O mantra para hoje é: “Enquanto eu me liberto do passado, eu recebo a clareza e a compreensão que preciso para alcançar os meus objetivos e possibilidades, além dos meus sonhos mais extraordinários”. E assim é.
Você é muito amado e apoiado, sempre.
Os Anjos e Guias - Sharon Taphorn.

Homem-banda

Jacob Collier

Jacob Collier com apenas 23 anos vem ao país lançar seu primeiro álbum “In My Room”. Atualmente em turnê mundial, a apresentação será uma das duas confirmadas; o rapa se apresentará também no Rio de Janeiro, dia 25. O londrino é apontado pela crítica como um prodígio da música, e ganhou fama mundial aos 17 anos fazendo covers que viralizaram no Youtube, como “Don’t you worry ‘bout a thing”, de Stevie Wonder, na qual sobrepõe sua voz a vários instrumentos, todos tocados por ele. Seu trabalho de “homem-banda” combina elementos de jazz, groove, folk, trip-hop, clássico, música brasileira, gospel, soul e muito improviso. Como sempre, ele se apresentará sozinho no palco com seus equipamentos de imagem e som criados pelo MIT (Massachussets Institut of Technology). Sua última façanha foi levar dois Grammy Awards para casa; Melhor Arranjo Instrumental ou A Cappella, e Melhor Arranjo, Instrumentos e Vocais com as faixas “You And I” e “Flintstones”, uma versão bem particular da trilha do desenho animado.

Serviço: Cine Joia, Praça Carlos Gomes, 82, Liberdade. Quinta (24) às 22h. Ingressos: Lote 1, R$ 120 e R$ 60 (meia) e Lote 2, R$ 140 e R$ 70 (meia).

Música étnica

O grupo Pedra Branca, fundado em 2001, desenvolve uma sonoridade com base em pesquisas de música étnica mundial traduzida ao mundo contemporâneo. Além da música, o grupo atua com danças e performances interagindo com conceitos e expressões artísticas visuais.

Serviço: Sesc Belenzinho, R. Padre Adelino, 1.000. Quinta (24) às 20h30. Ingressos: R$ 20 e R$ 10 (meia).

Lançamento

lancamento temproario

Marília Mendonça apresenta seu novo álbum Realidade. A cantora em menos de dois anos de carreira se tornou um dos maiores nomes da música brasileira, o público poderá conferir o melhor da cantora que conquistou o Brasil com seu repertório, personalidade e presença de palco. Marília traz no repertório, um misto de seus dois trabalhos, “Infiel” ,”Meu cupido é gari”, “Como faz com ela”, “Alô porteiro” , entre outras.

Serviço: Espaço das Américas, R. Tagipuru, 795, Barra Funda. Sexta (25) a partir das 21h. Ingressos: de R$ 50 a R$ 150.

Yoga

Meditação musical para abertura das atividades dia, no Encontro de Yoga, com participação de Marco Maia, Rachel Nascimento e Bruna Iksilara. Necessário traje adequado para a prática. Para utilização dos armários é necessário ter cadeado. Inscrições no setor de Esportes, no segundo pavimento.

Serviço: Sesc Belenzinho, R. Padre Adelino, 1.000. Sábado (26) das 10h às 11h30. Entrada ranca.

Novos baianos

Moraes Moreira, Baby do Brasil, Pepeu Gomes, Paulinho Boca de Cantor, Luiz Galvão, estão na estrada com a turnê “Acabou Chorare os Novos Baianos se encontram”. São raras as bandas que podem dizer que suas músicas atravessam diversas gerações, como os Novos Baianos. O grupo teve seu apogeu nos anos 70, ápice da ditadura militar e de um cenário de repressão e censura.

Serviço: Espaço das Américas, R. Tagipuru, 795, Barra Funda. Sexta (01/09), a partir das 21h. Ingressos: R$ 120 a R$ 160 (meia).