O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player


O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

 

Déficit


 

‘Readequação’ de pedaladas eleva gastos do governo central

Brasília - Ainda pressionada pelas pedaladas da gestão anterior, o Tesouro Nacional registrou em fevereiro um déficit de R$ 7,357 bilhões, o maior para o governo central, em meses de fevereiro, desde 1997. No mês passado, a instituição se viu obrigada a pagar parte da fatura atrasada da gestão anterior e, com isso, as despesas totais cresceram 13,7% na comparação entre fevereiro e igual mês do ano anterior.

A instituição não confirma, mas a herança a ser corrigida estava concentrada em pelo menos três contas. Apenas com o Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT) os gastos chegaram a R$ 1 bilhão em fevereiro, cifra 70,6% maior que a de igual mês do ano passado; com Subsídios e Subvenções Econômicas a despesa foi de R$ 1 bilhão (alta de 451,2%); com Benefícios Assistenciais, R$ 786,6 milhões (aumento de 29%).

Apesar do discurso de transparência da gestão Joaquim Levy no Ministério da Fazenda, o secretário do Tesouro, Marcelo Saintive, disse apenas que a instituição está “buscando a readequação de pagamentos” e quitando despesas de maneira “tempestiva”. Ele não explicou quanto dos gastos do mês nessas contas eram faturas atrasadas e quanto eram os valores correspondentes apenas ao período (AE).

O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

 

 



Jornal Empresas & Negócios
Rua Boa Vista, 84 - 9º andar - cj. 909
01014-000 - Centro - São Paulo - SP
Tel.: (11) 3106-4171 Fax: (11) 3107-2570

O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player